Novidades

06/05/2024 - Igreja de Araxá mobiliza comunidade para campanha solidária em prol das vítimas das chuvas no RS

A Igreja Matriz de São Domingos está situada na praça São Domingos, no Centro de Araxá. Fotos: Arquivo Portal Imbiara
Na tragédia climática no Rio Grande do Sul causada pelas fortes chuvas, a Defesa Civil do estado confirmou 83 mortes, enquanto outros quatro óbitos estão sob investigação para determinar se há relação com os eventos meteorológicos ocorridos na última semana, segundo informações da Agência Brasil. Em Araxá, a Igreja Matriz de São Domingos de Gusmão mobiliza a comunidade para contribuir com uma campanha solidária em prol do Rio Grande do Sul (RS).

De acordo com o pároco da Igreja Matriz de São Domingos, padre Jonathan Costa, o espaço religioso é ponto de arrecadação para alimentos não perecíveis, cestas básicas, água mineral, roupas pessoais e de cama, leite ninho, fraldas e material de higiene pessoal. "Ontem (5), no evangelho, refletíamos sobre Jesus ensinando os discípulos a amar o próximo. Só tem sentido se amamos a Deus, se nós amamos o próximo. A igreja não pode ser indiferente à dor do outro. Já faz algum tempo que montamos a pastoral social em nossa paróquia e, em conjunto, pensamos nesta campanha. Vimos a notícia da Rodonaves, que já se prontificou a transportar essas doações até as vítimas", diz o padre.O padre da Igreja Matriz de São Domingos de Gusmão, Jonathan Costa

Segundo o pároco, houve contato telefônico com a empresa, que se prontificou a recolher os materiais arrecadados na Igreja Matriz de São Domingos de Gusmão.

"Devido ao fato de ser um local central da cidade, onde muitas pessoas passam pelo Centro e podem deixar suas doações, vamos ser um ponto de coleta. Posteriormente, a Rodonaves retirará todo esse material e o transportará para as vítimas. Já temos muitos voluntários se prontificando a vir até a Igreja Matriz. Você mesmo pode ser um voluntário, pois teremos muitos pontos de separação, como alimentos, roupas, medicamentos e água. Vamos deixar tudo isso separado para facilitar o transporte", ressalta o padre Jonathan Costa.

Conforme as últimas informações atualizadas nesta segunda-feira (6) pela Agência Brasil, o número de desaparecidos no RS chega a 111 pessoas, com 375 municípios gaúchos atingidos pelos temporais, afetando mais de 850,4 mil pessoas, das quais 21.957 estão desalojadas, 50,4 mil foram afetadas e 19.368 estão temporariamente em abrigos, além de 276 feridos.